segunda-feira, 22 de junho de 2015

Protagonista


Não quero respeito porra nenhuma!

Quero que você minta pra mim,
bata na minha porta de madrugada completamente despido.

Quero que ligue desesperado fingindo choro, saudade e amor.

O seu respeito não me alimenta,
pelo contrario, corroí.

Quero ser vítima da sua arte,
um ensaio real para a sua nova ficção,
personagem de uma trama suja, covarde e turbulenta,
protagonista do seu novo roteiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário